quinta-feira, 17 de junho de 2010

(82) SAÚDE É O QUE INTERESSA E O RESTO TAMBÉM (PARTE 2). Sobre a saúde do homem!

Essa matéria sobre a Saúde do Homem também teve boa repercussão. Vale a pena conferir. Boa leitura.


A herança patriarcal que nos foi legada condicionou a nossa sociedade a um erro cultural de que o “homem não chora e tem que ser cabra macho”.



Essa concepção plantou no inconsciente masculino que o homem é forte por natureza e que não precisa de outros cuidados.



Essa concepção, uma construção social, também influenciou os programas nacionais de saúde que com os seus “pacotes prontos” desde a época do militarismo, implantou diversos programas de saúde tais como: saúde da criança, da mulher, tuberculose, hanseníase, diabetes e hipertensão, do trabalhador, etc, e a saúde do homem?



Esse pensamento retrógrado causou alguns danos de saúde ao sexo masculino, como por exemplo:



A expectativa de vida da mulher é de 76,52 anos, a do homem é de 68,92 anos, ou seja, o homem brasileiro vive 7,6 anos a menos que a mulher.



Dos óbitos registrados entre as idades de 20 e 59 anos, 68% são homens, ou seja, a cada três adultos que morrem no Brasil, 2 são homens. Com relação a esse dado, é importante ressaltar que 91% das mortes violentas em adultos jovens, são homens. È só observarmos o que acontece e já aconteceu na cidade nesse aspecto.



No geral, para cada consulta médica de um homem, temos 4,5 para as mulheres, isso tirando as consultas de pré-natal.



A estimativa do Instituto Nacional do Câncer (INCA) é de que teremos, em 2010 aproximadamente, 50.000 casos novos de câncer de próstata e, mais de mil pênis serão amputados devido ao câncer.







Diante desses dados alarmantes, o Ministério da Saúde lançou, em agosto do ano passado, a política pública de saúde do homem, com pelo menos 30 anos de atraso (antes tarde do que nunca). Para a implantação, existem grandes desafios, o principal deles é vencer a barreira cultural da população masculina brasileira. O Ministério pretende fazer uma grande campanha de divulgação em toda mídia e cartilhas educativas para distribuição gratuita.



Serão 8 eixos norteadores para a implantação dessa política de saúde com investimentos de mais de 614 milhões de reais. O primeiro já está sendo aplicado no valor de 8 milhões para que os gestores estaduais elaborem o Plano de Ação 2009-2011.



É importante salientar também que, além dos problemas do aparelho reprodutor masculino, os homens também estão adoecendo mais de problemas emocionais, como depressão, pânico, entre outros, cardíacos e endócrinos como diabetes e alguns estudos já se referem ser devido à repressão emocional, como não chorar quando se está triste e não demonstrar afeto para não aparecer menos “macho”.



A sugestão para a propaganda, segundo algumas especulações, seria de algum apelo que fosse direto na alma masculina, algo como:



MACHO QUE É MACHO SE CUIDA!



Então fica a sugestão para você, meu amigo machão: Não espere a implantação do programa e procure um médico na rede de saúde municipal ou mesmo particular se você puder. Independente do programa, eles sabem muito bem cuidar de você.






4 comentários:

conexao-politica LORENA disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Apenas "Ci" disse...

Ai Mafu, estou com ódio hoje, entrei na net pra relaxar um pouco depois desse jogo horroroso tal qual a “Adm para Mudança”, teve um amigo que me ligou e disse "Ainda bem que perdemos para um país do 1° mundo"...
E eu lá queria perder pra país de Primeiro Mundo?!
O povo de lá, já é lindo, loiro, alto, tudo nutrido no iogurte e queijo de primeira e ainda tem que ganhar a Copa?
Eu hein...Vou voltar pro meu Mantra...Neme me ensinou um novo que intercala Chakras Isocronico com músicas evangélicas....rsrrsr
Quem manda ter um prefeito eclético espiritualmente, ou seria falta de personalidade?
ÒÒò...uuuuuu Namastê.

Luciano disse...

Não vai ter um post falando sobre as eleçoes da camara???


Coragem moço, tem que dar a cara para bater....

Vanessa Aquino disse...

Gostei das fotos... Mas a matéria também é excelente!