segunda-feira, 30 de março de 2009

(46) UM EXEMPLO DE SUPERAÇÃO!


Estão comentando tanto comigo na rua sobre a postagem SUPERAÇÃO, que me pediram para colocar superação 2 (rsrsrsrs)
No mês da mulher, vou falar rapidamente de uma atleta que para mim foi o maior exemplo de superação que já vi na vida.
O ano era 1984- olimpíadas de Los Angeles e a 1ª maratona feminina dos jogos.
37 mulheres disputavam as medalhas no percurso de 42 km; aos poucos foram chegando, uma a uma.
Tempo depois, a câmera deu um close em Gabriele Andersen, suíça, chegando exaurida, sem forças..
Imagem chocante, emocionante, que jamais esquecerei, ela era a última competidora, não ia ganhar medalha, poderia simplesmente parar, mas Gabriele não parou, só depois que cruzou a linha de chegada, empacotando, sem forças no chão.
Hoje, passado quase 25 anos, ainda não vi nenhuma imagem mais emocionante de superação do que esta, vontade, louvor.
É claro que todos superamos muitas coisas todos os dias, almejamos, corremos atrás, damos duro... Mas muitas vezes desistimos no primeiro obstáculo.
Certamente que eu não me recordo o nome de quem ganhou o ouro naquele dia de 1984, mas o nome de Gabriele Andersen nunca mais esqueci, pois ela mostrou que o mais importante nem sempre é a vitória, mas a sua vitória, o seu desafio pessoal, o crédito que você tem de se dar.
Ela mostrou que a verdadeira vitória é a superação, as quebras de tabus, o rompimento das expectativas, e que nem sempre o primeiro é que vai entrar para a história, porque a história pode ser contada e recontada sobre várias óticas, em vários pontos de vista.



Você deve ser o protagonista da sua história, se permitir perseverar e ser feliz!
E para quem ainda não leu o texto, está ai de novo.

Superação é algo um pouco além do espetacular para mim,
É você saber parar quando deveria continuar,
É você sorrir quando está triste, sem ninguém notar,

É você dividir ao invés de subtrair,

É você se despir da vaidade quando a casa estiver por ruir.

Superação é dizer bom dia, enfaticamente, numa manhã chuvosa;

É gritar bem alto “Te amo” e acabou a prosa.

É saber recomeçar quando acreditamos que se esvaíram as forças,

É não se decepcionar se o seu ídolo te deixou só, na forca.

Superação é não se envolver na comoção, é apartar;

É estar junto no momento de crise e pacificar;

É conseguir pensar acima da média no momento de estupor;

É brigar a boa luta para evitar ainda mais a dor.

É reconhecer o BOM no outro e em si mesmo;

É dizer o que pensa, sem ofensa e sem medo;

É construir, desconstruir para reconstruir outras realidades;

É dizer TEM JEITO AINDA, dando um revés na maldade.

Superação é algo um pouco além da própria superação.

É saber que somos humanos e, por vezes, erramos,

É saber reconhecer o erro e voltar,

É entender que a vaidade é cega e, por isso mesmo, nos pode cegar.

É perceber que no outro existe um ser divino;

Também feito à imagem e semelhança de Deus;



E que se o universo é gigante e infinito,

É para reconhecer a insignificância dos caprichos meus.

Superar é saber voar, além do horizonte,

É ter estratégias de um líder motivante;

Que grita avante e lá se vai firme e feliz o seu exército

Seguindo seu líder que te reconhece como sendo o soldado certo.

Superação é não se sentir vítmas das cicunstâncias

é remodelar a realidade

É diminuir as distâncias,

É estar perto e entender a relevância.

Superar é não se magoar, é entender o limite do homem;

É perceber que vaidade com vaidade é morte certa;

É ter sabedoria para levar tudo que Deus te deu;

E mais sabedoria ainda para entender que nada que está aqui, é seu.

Superação é fazer além do esperado;

É entender que como humanos somos limitados;

E mesmo assim e também por isso, temos de fazer acontecer,
Talvez, daqui a cem anos, o feito será lembrado.

Também se não for, bobagem.

O importante é fazer bem feito, O que por Deus fomos convocados.

Pensem nisso, agigantem-se e... SUPEREM COM LOUVOR.

Afinal, somos como grãos de areia nesse universo.






E estamos aqui somente para espalhar o AMOR!

E, se você quiser desistir de algo amanhã, pondere, não se permita se derrotar; lembre-se de Gabriele Andersen e de seu exemplo.
Talvés a vitória esteja mais perto do que você imagina, compensa andar um pouquinho mais.
Tchau... Pardal... Fui!

3 comentários:

Fé e Esperança disse...

Valeu Mafu...
parece que foi escrito pra mim!rs
Parabéns, o texto emocionou!!!
abraço
Tatá Cardoso

Pedro Moreno disse...

E como podemos esquecer essa cena, realmente vc foi fundo, essa postagem foi inspirada pelos anjos e, lendo novamente, percebi algumas coisas que não tinha visto antes.
Parabéns!

Maria Luisa disse...

Essa matéria e as demais do mesmo estilo que você escreve estão me ajudando muito e aposto que outras pessoas também.
Parabéns e muito obrigado!